Ensino de Sociologia

Licenciatura em Ciências Sociais e Sociologia no Ensino Médio
Subscribe

SP exige teste de câncer de novos professores

outubro 16, 2010 By: polart Category: notícia

15 de outubro de 2010 | 23h33 |

Isis Brum
Marici Capitelli

Professores que se candidataram a uma das 10 mil vagas para docente efetivo na rede estadual de ensino terão de apresentar laudos de exames oncológicos e de voz antes mesmo de saberem se serão convocados para trabalhar. É a primeira vez que isso ocorre num concurso do gênero, segundo a Apeoesp, sindicato da categoria.

O diagnóstico de 13 exames laboratoriais deverão ser encaminhados à perícia já neste mês, enquanto passam pelo curso de formação específica do magistério – uma novidade nos concursos para professores, posta em prática pela primeira vez neste ano.

Caso não apresente os laudos, o candidato poderá ser considerado inapto na perícia médica assim e eliminado da disputa. A Secretaria de Estado da Educação (SEE) informa que os pedidos estão dentro da lei e que os laudos não são classificatórios. Mas não esclareceu se um docente com câncer diagnosticado pode deixar de ser efetivado por esse motivo.

Fonte: http://blogs.estadao.com.br/jt-cidades/sp-exige-teste-de-cancer-de-novos-professores/

(mais…)

Brasil fica entre os piores em ranking de salas de aula lotadas

outubro 16, 2010 By: polart Category: notícia

16/10/2010 – 09h25

FÁBIO TAKAHASHI
TALITA BEDINELLI
DE SÃO PAULO

As turmas de ensino fundamental do Brasil têm, em média, seis alunos a mais do que as de nações desenvolvidas. A notícia positiva é que a situação do país melhorou.

A conclusão está presente na edição 2010 de um estudo anual da OCDE, organização que reúne países desenvolvidos. A entidade analisou a situação educacional de 39 países, incluindo convidados como Brasil e Rússia.

Nas classes de 5º a 9º ano das escolas brasileiras há, em média, 30 alunos. Nos demais países analisados, 24.

Rússia e Eslovênia, por exemplo, estão na casa dos 20 estudantes por turma.

Classes mais numerosas prejudicam a qualidade de ensino, pois os professores têm mais dificuldade para saber as deficiências individuais dos alunos, dizem educadores ouvidos pela Folha.

A situação do Brasil é um pouco melhor nos anos iniciais do ensino fundamental (1º a 5º ano), onde há, em média, 25 alunos por sala. No grupo analisado, são 21. Os dados são de 2008 e consideram rede pública e privada.

O relatório destaca ainda que o tamanho das turmas no Brasil diminuiu em relação a 2000, quando no primeiro ciclo havia um estudante a mais por turma e, no ciclo final, quatro a mais.

Fonte: http://www1.folha.uol.com.br/saber/815550-brasil-fica-entre-os-piores-em-ranking-de-salas-de-aula-lotadas.shtml

(mais…)

Magistério tem dificuldade de atrair jovens talentos para a carreira

outubro 16, 2010 By: polart Category: notícia

15/10/2010 – 10h06

DA AGÊNCIA BRASIL

Quase 2 milhões de professores trabalham nas salas de aulas de escolas públicas e particulares de educação básica no país. Se a profissão já teve grande importância no passado, hoje é difícil atrair jovens talentos para a carreira, avaliam especialistas no Dia do Professor, comemorado hoje. Os alunos que entram nos cursos de pedagogia são, em geral, aqueles com baixo desempenho no vestibular ou no Enem (Exame Nacional do Ensino Médio).

Fonte: http://www1.folha.uol.com.br/saber/814996-magisterio-tem-dificuldade-de-atrair-jovens-talentos-para-a-carreira.shtml

(mais…)

Universalizar educação básica requer 1,9 milhão de novos professores até 2015, estima Unesco

outubro 06, 2010 By: polart Category: notícia

Até 2015, 99 países vão precisar de mais 1,9 milhão de professores em sala de aula para conseguir universalizar a educação básica. Mais da metade desses profissionais precisarão ser contratados apenas na África Subsaariana. A estimativa é da Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco), que criou o Dia Mundial do Professor, comemorado hoje (5), para lembrar a importância desse profissional.

O tema das comemorações deste ano é A Reconstrução Começa pelos Professores. A intenção é destacar o papel crucial que os educadores desempenham em áreas que estão em situação de emergência, em momentos pós-conflitos e de crise social, econômica ou humanitária.

Além da África Subsaariana, a Unesco alerta que países de outras regiões deverão enfrentar um déficit de professores em função do aumento do número de estudantes. Entre elas estão a Europa Oriental, América do Norte, as regiões Sul e Oriental da Ásia e os estados árabes. A entidade não tem dados sobre o Brasil.

A Unesco vai realizar diversos eventos em todo o mundo para lembrar a data. Um deles é uma exposição virtual em homenagem aos professores que está disponível no site da entidadeem três línguas.

Fonte: http://educacao.uol.com.br/ultnot/2010/10/05/universalizar-educacao-basica-requer-19-milhao-de-novos-professores-ate-2015-estima-unesco.jhtm

Cresce número de pretos e pardos com ensino superior completo no país

setembro 18, 2010 By: polart Category: notícia

http://www1.folha.uol.com.br/saber/800286-cresce-numero-de-pretos-e-pardos-com-ensino-superior-completo-no-pais.shtml

17/09/2010 – 10h10

VERENA FORNETTI
DO RIO

Em dez anos, a proporção de pessoas pretas com 25 anos ou mais que têm ensino superior completo passou de 2,3% para 5,3% em 2009. A informação foi divulgada nesta sexta-feira pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística).

Entre a população parda, a fatia dos que concluíram a graduação cresceu de 2,3% do total em 1999 para 4,7% no ano passado. No caso da população branca, os percentuais foram 9,8% há dez anos e 15% em 2009.

(mais…)

Nordeste está 10 anos atrás do Sudeste no ensino médio

setembro 18, 2010 By: polart Category: notícia

Em 2009, a proporção de jovens de 15 a 17 anos no Nordeste que frequentavam a série adequada para sua idade era inferior à registrada no Sudeste dez anos antes, diz o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística).

Apenas 39,2% dos adolescentes nessa faixa etária estavam no ensino médio; no Sudeste, eram 60,5% em 2009 e 42,1% em 1999.

Para o IBGE, a desigualdade regional na educação é preocupante. “Mesmo com todas as melhoras sociais, a educação avança devagar”, diz Ana Lucia Saboia, gerente de Indicadores Sociais.

(mais…)

La escuela está “jaqueada” por las nuevas tecnologías, dice sociólogo

julho 01, 2010 By: polart Category: notícia

El sociólogo Luis Quevedo dijo además que las nuevas tecnologías están dejando “huellas” en la formación de los jóvenes y su forma de ver el mundo. Internet, celulares, iPad, los mp3 “personalizan”, la escuela “serializa”, aseguró.

______________________________________________________

El licenciado en Sociología de la UBA,  Luis Alberto Quevedo expuso sobre el nuevo entorno tecnológico en el mundo de los jóvenes. También analizó el giro cultural y la aparición de los lenguajes digitales. La conferencia se realizó en el Centro de Convenciones y fue organizada por la fundación Osde Misiones, con apoyo del Ministerio de Educación de Misiones, a través de la Subsecretaría de Educación.

El sociólogo dijo que -el impacto que están teniendo las nuevas tecnologías de la comunicación y la información en el ámbito de la escuela, no solo se ve en la Argentina sino en todo el mundo.

“En realidad está cambiando un paradigma en el cual la escuela que se fundó, con el paradigma de Gutenberg, es decir paradigma del libro, que tiene unos 150 ó 200 años fue un instrumento de comunicación y la herramienta más importante que contó la escuela en el siglo 19 y 20”, dijo.

(mais…)

MEC estima alfabetizar 2,2 milhões de adultos este ano

junho 29, 2010 By: polart Category: notícia

A uma semana do final do prazo para adesão de estados e municípios ao Programa Brasil Alfabetizado, do governo federal, o Ministério da Educação faz a previsão de matricular, neste ano, 2,2 milhões de jovens e adultos em classes de alfabetização. O prazo para adesão de estados e municípios termina no próximo domingo e a meta do ministério é fechar parceria com 1.450 secretarias de Educação.

Até agora, foram registradas 1.392 adesões – 23 estados, o Distrito Federal e 1.368 municípios. Ainda não aderiram ao programa os estados de São Paulo, do Espírito Santo e Rio Grande do Sul. O ministério repassa recursos aos estados e municípios participantes para capacitações de professores, compra de material pedagógico, além de ser responsável pelo pagamento da bolsa dos alfabetizadores.

Segundo dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad) de 2008, feita pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o país tem 14 milhões de analfabetos entre a população com 15 anos de idade ou mais, o que representa 10% dos brasileiros nessa faixa etária. Mais informações sobre a adesão ao Brasil Alfabetizado no site do ministério.

Fonte: http://noticias.terra.com.br/educacao/noticias/0,,OI4531529-EI8266,00-MEC+estima+alfabetizar+milhoes+de+adultos+este+ano.html

Encontro pretende fortalecer política de educação integral.

maio 13, 2010 By: polart Category: evento

[Fonte: www.portal.mec.gov.br – Terça-feira, 11 de maio de 2010 – 17:22 – Ionice Lorenzoni]

Com 2,1 milhões de estudantes em escolas públicas de educação integral, nos 26 estados e no Distrito Federal, o Ministério da Educação realiza este mês o 1º Seminário Nacional de Educação Integral. O evento acontece de 18 a 21, na Academia de Tênis, em Brasília. Aprofundar e fortalecer a política pública de educação integral está entre os objetivos do encontro.

Participam do seminário os 405 coordenadores municipais e os 27 coordenadores estaduais do programa Mais Educação, as universidades públicas parceiras do programa, o comitê nacional do Mais Educação, centros de formação de professores, representantes do Conselho Nacional dos Secretários de Educação (Consed) e da União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação (Undime), comissões de educação da Câmara dos Deputados e do Senado.
(mais…)

Escola do Estado é invadida e incendiada no Jardim Angélica

maio 13, 2010 By: polart Category: notícia

Escola do Estado é invadida e incendiada no Jardim Angélica

André Rosa – Fotos: Ana Paula Almeida    29/01/2010 09:28

Vândalos invadem escola e põem fogo em salas no Jardim Angélica

Portões arrombados, muita fumaça, fuligem por todos os cantos e um clima de destruição. Esse foi o cenário que os funcionários da Escola Estadual Pedro Morceli, no Jardim Angélica, encontraram logo que chegaram para trabalhar na manhã de ontem. Um incêndio provocado por vândalos destruiu duas salas utilizadas como depósito, além de comprometer parte das instalações elétricas do ginásio. No início da semana, o local já havia sido invadido, porém, só ocorreram arruaças. Secretaria Estadual de Educação nega.

Por volta das 8h, assim que os primeiros funcionários chegaram à escola – situada na rua João Avelino Fauthz, n° 190 – encontraram um forte cheiro de queimado e fumaça saindo do interior de duas salas utilizadas para armazenar materiais sem utilidade e estoque de produtos de limpeza. Lâmpadas das salas e corredores estouraram por conta das chamas e parte da fiação elétrica ficou totalmente destruída. Posteriormente, os bombeiros foram acionados para fazer os trabalhos de rescaldo.

O Guarulhos Hoje apurou que no início desta semana a escola já tinha sido alvo de ações de vândalos. Na madrugada de segunda-feira, a instituição de ensino foi invadida e as mesmas salas que foram incendiadas ontem tinham sido completamente bagunçadas. “No ano passado a escola também foi invadida sendo furtados computadores, TVs, DVDs e impressoras. A polícia disse que peritos viriam ao local para investigar, mas até agora ninguém apareceu”, denunciou um funcionário público que não quis se identificar.

Respostas – A Secretaria Estadual de Educação informou que não houve prejuízos expressivos, pois apenas jornais e Diários Oficiais antigos, além de materiais de limpeza, foram consumidos pelas chamas. Sobre a invasão e vandalismo no início da semana, o órgão disse que as pessoas pularam o muro da escola, mas não chegaram a entrar na parte interna do ginásio. Quanto aos furtos dos equipamentos eletrônicos no ano passado, a Secretaria afirmou que apenas dois computadores foram furtados. Uma empresa especializada foi designada para verificar se toda a parte elétrica foi comprometida, ressaltou ainda o órgão.

O caso foi registrado no 4° DP e a polícia apurará as causas do incidente

Fonte: http://www.guarulhosweb.com.br/gwebnoticia.php?nrnoticia=30366